quarta-feira, agosto 17, 2005

Parabêns

Gostava de dedicar hoje a folha a Lúcia que vai ser vóvó. Parabéns para ela. ---------------------------------------------------------------------------------------------------
Poema do Menino Jesus


Num meio-dia de fim de Primavera
Tive um sonho como uma fotografia.
Vi Jesus Cristo descer à terra.
Veio pela encosta de um monte
Tornado outra vez menino,
A correr e a rolar-se pela erva
E a arrancar flores para as deitar fora
E a rir de modo a ouvir-se de longe.

Ele mora comigo na minha casa a meio do outeiro.
Ele é a Eterna Criança, o deus que faltava.
Ele é o humano que é natural.
Ele é o divino que sorri e que brinca.
E por isso é que eu sei com toda a certeza
Que ele é o Menino Jesus verdadeiro.


  • Dois excertos do poema de Fernando pessoa

  • 0 comentários: