quarta-feira, dezembro 07, 2005

cenoura café e o ovo


A Cenoura, o Ovo e o Café
Uma filha queixou-se ao seu pai sobre sua vida e de como as coisas estavam difíceis...
Ela já não sabia mais o que fazer, parecia que assim que um problema se resolvia, um outro surgia. E cansada de lutar, pensara em desistir da vida e de tudo.

Seu pai, um "chef de cozinha", levou-a até a sua cozinha. Lá, encheu três panelas com água e colocou cada uma delas em fogo alto. Logo as panelas começaram a ferver.
Numa delas ele colocou cenouras, noutra colocou ovos e, na última, pó de café. Deixou que tudo fervesse, sem dizer uma palavra.
A filha deu um suspiro e esperou impacientemente, imaginando o que ele estaria fazendo. Cerca de vinte minutos depois, ele apagou as bocas de gás. Pegou as cenouras e colocou-as numa tigela. Retirou os ovos e colocou-os em outra tigela. Então pegou o café com uma concha e colocou-o numa xícara.

Virando-se para ela, perguntou: - Querida, o que você está vendo?
- Cenouras, ovos e café - ela respondeu.

Ele a trouxe para mais perto e pediu-lhe para experimentar as cenouras... Ela obedeceu e notou que as cenouras estavam macias.
Então, pediu-lhe que pegasse um ovo e o quebrasse... Ela obedeceu e depois de retirar a casca verificou que o ovo endurecera com a fervura.
Finalmente, ele lhe pediu que tomasse um gole do café... Ela sorriu ao provar aquele aroma delicioso.
Então, ela perguntou humildemente: - O que isto significa pai?
E ele explicou que cada um deles havia enfrentado a mesma adversidade, a água fervendo, mas que cada um reagira de maneira diferente.

A cenoura entrara forte, firme e inflexível. Mas, depois de ter sido submetida à água fervendo, ela amolecera e se tornara frágil.

Os ovos eram frágeis. Sua casca fina havia protegido o líquido interior. Mas, depois de terem sido colocados na água fervendo, seu interior se tornou mais rijo.

O pó de café, contudo, era incomparável. Depois que fora colocado na água fervente, ele havia mudado a água. - Qual deles é você? - ele perguntou à sua filha. Quando a adversidade bate à sua porta, como você responde?

E você?
É uma cenoura, um ovo ou o pó de café?

(desconheço o autor)

12 comentários:

jocamarinha@netcabopt disse...

Que conto bem desenhado... Adorei ler o teu perfil e que sorte têm tuas filhas de ter uma mãe que ainda sabe contos!
Felicidades!
Tenho pena de não saber fazer um Blog com esta categoria. Talvez um dia....

CASTOR disse...

Por acaso eu sou só um gajo com um granda problema com o meu cão...só percebes de gatos ou tambem és especialista em podengos??? ehe, ehe, ehe...

Rosimeire disse...

Oiiiieee, esta história é linda, eu não consigo me classificar.. rrs, td bem, vou tentando melhorar, a cada dia, a cada passo... bjs carinhosos e uma ótima quinta-feira...

Regina disse...

Querida Aldora!
Agradeço a vida o privilegio de ter te encontrado, estar sempre recebendo seu carinho e poder ter sempre um pouquinho de você junto de mim.
Tenha um lindo dia, cheio de sentimentos alegres, repletos de luz e amor.
Um beijinho carinhoso em seu coração.
Regina

taliesin disse...

Oi minha amiga, essa historia reflete muito o q somos, que mudança fazemos em nossa vidas, e como a vivemos.
Beijão

Regina Cátia disse...

aldora,espero que vc. tenha melhorado, eu já estou quase boa voltei as minhas atividades voltei até a "passar as camisas do meu marido".Beijos.
"Depois de algum tempo você aprende que verdadeiras amizades continuam a crescer mesmo a longas distâncias, e o que importa não é o que você tem na vida, mas quem você tem na vida."
Shakespeare.

Fátima disse...

Oi Aldora, já conhecia esse texto mas é um prazer ler novamente pois é muito belo!!!!
Meu cantinho está todo pronto graças aos ajustes que vc deu..........DEUS LHE PAGUE ALDORA!!!
Bjs

kaldinhas disse...

Hoje vou ser rapidinha eheheh.
Olá amigona acho que por vezes sou uma mistura.
Beijocas grandes

Regina disse...

Boa tardeeeeeeeee Aldoraaaaa linda! Menina perdi a hora, dormi muuuuuuuito. Também essa vida de Mãe Noel está me estressando... Lojas cheias, carregar presentes... não é fácil não! Haaaaa se você não acreditar em papai noel, ele não vem, rsrs
Bom fim de semana pra vc.
Um beijo carinhoso
Regina

Anónimo disse...

A Amizade não requer gratidão,presentes,cobranças,etc.A Amizade requer apenas que nós lembremos sempre de ligar,falar um "Oi,como é que você está?"
Então,tô passado aqui para deixar um "OI" pra você.
Beijos.

tuxa disse...

Nossa vc não sabe, ontem encontrei com Papai Noel e ele disse que eu poderia pedir qualquer coisa neste Natal, pedi então pra ter meus amigos bem pertinho de mim!!!
Se por acaso você encontrar um velhinho e ele tentar te empacotar, relaxa e, por favor, colabora... Amigo pode ser real, virtual, próximo, distante, parente ou não. Amigo é aquele que ocupa um espaço especial em nosso coração.

OI MINHA LINDA...JÁ CONHECIA ESSE TEXTO MAS SEMPRE ACHO BOM RELER,ELE NOS DÁ UMA GRANDE LIÇÃO DE VIDA...
ESPERO QUE AGORA VC ESTEJA BEM MELHOR...
BJ ENORME EM SEU CORAÇÃO

Regina disse...

Oi minha amiga! Adorei sua cartinha ao papai noel, tb quero o mesmo presente, rsrs
Que encanto tens tu Aldora? Que me faz sorrir o coração. Que mágica tu dominas? Que me deixa a alma feliz.
Uma palavra carinhosa, um consolo. A sensação de um carinho sincero. A ilusão da presença, a explosão da alegria.
Uma cumplicidade infinita, nos sonhos do dia a dia . Que importa a distância? És a presença constante nas emoções da minha vida.
Um dia, quem sabe, o destino caprichoso, que na geografia nos separou, possa nos colocar frente a frente. Pra num momento sublime, selar a amizade que ele mesmo criou.
Bom fim de semana!
Um beijo carinhoso.
Regina