sexta-feira, janeiro 19, 2007

Fui destaque na Silvinha obrigada amiga que no Japão a neve pare de cair.




Encontrei este texto e me lembrei se alguns dos nossos juízes não serão milho de pipoca por estourar, depois do caso da menina que tem que ser entregue ao pai biológico.
clique para saber mais sobre o que estou a falar


Será que aqui devia ser aplicada a lei do rei Salomão?







Milho de pipocas

A transformação do milho duro em pipoca macia é símbolo da grande transformação por que devem passar os homens para que eles venham a ser o que devem ser.
O milho de pipoca não é o que deve ser.
Ele deve ser aquilo que acontece depois do estouro.
O milho de pipoca somos nós: duros, quebra-dentes, impróprios para comer.
Mas a transformação só acontece pelo poder do fogo.
Milho de pipoca que não passa pelo fogo continua a ser milho de pipoca, para sempre.
Assim acontece com gente. As grandes transformações acontecem quando passamos pelo fogo. Quem não passa pelo fogo fica do mesmo jeito, a vida inteira.
São pessoas de uma mesmice e uma dureza assombrosas. Só elas não percebem. Acham que é o seu jeito de ser. Mas, de repente, vem o fogo.
O fogo é quando a vida nos lança numa situação que nunca imaginamos. Dor.
Pode ser o fogo de fora: perder um amor, perder um filho, ficar doente, perder o emprego, ficar pobre.
Pode ser o fogo de dentro: pânico, medo, ansiedade, depressão, sofrimentos cujas causas ignoramos.
Há sempre o recurso do remédio. Apagar o fogo. Sem fogo, o sofrimento diminui. E com isso a possibilidade da grande transformação. pipoca, fechada dentro da panela, lá dentro ficando cada vez mais quente, pensa que a sua hora chegou: vai morrer.
Dentro de sua casca dura, fechada em si mesma, ela não pode imaginar destino diferente. Não pode imaginar a transformação que está sendo preparada. A pipoca não imagina aquilo de que ela é capaz.
Aí, sem aviso prévio, pelo poder do fogo a grande transformação acontece:
Bum!
E ela aparece como uma outra coisa completamente diferente que ela mesma nunca havia sonhado.
Piruá é o milho de pipoca que se recusa a estourar. São aquelas pessoas que, por mais que o fogo esquente se recusam a mudar. Elas acham que não pode existir coisas mais maravilhosas do que o jeito delas serem. A sua presunção e o medo são a dura casca que não estoura. O destino delas é triste. Ficarão duras a vida inteira. Não vão se transformar na flor branca e macia. Não vão dar alegria a ninguém. Terminado o estouro alegre da pipoca, no fundo da panela ficam os piruás que não servem para nada.
Seu destino é o lixo.
E você o que é?
Uma pipoca estourada ou um piruá?

Rubem Alves

20 comentários:

Jofre Alves disse...

Percorrer esta merecida página não é uma imposição, mas, tão-somente, um prazer lúdico, para ver a elegância, qualidade, de braço dado com a noção de estética e bem-fazer. Afinal, tenho a sorte de puder apreciar e visitar este agradável blogue. Óptimo fim-de-semana.

Maria Elisa disse...

Arolda.Este texto sobre o milho de uma simples pipoca,e o homem tem muito de ser,pois pode-se ser duro e de repente se desfazer na boca como é uma delicia de pipoca,que toda a criança gosta?..Neste caso os juíses deviam ser mais pipoca que milho duro, que fica no fundo da panela e se joga fora,então seria uma delicia saborear,como a vida pode ser boa quando o homem quer.
Amiga arolda bom fim semana e beijo
Elisa

Luisa disse...

Escolheste um belo texto para levares a água ao teu moinho!!!! Estes juízes e muita gente que por aí anda devem ser esse tal milho que não estoira mesmo metidos numa panela de pressão! Se´rão estúpidos ou maus? Quero também agradecer a visita ao nosso blog e o comentário tão sábio que lá deixaste. Um bom fim de semana.

kaldinhas disse...

Excelente escolha do texto e da imagem p ilustrar.Realmente há pessoas na justiça e n só,q nunca vão virar pipocas.N há calor q lhes aqueça o coração.Quanto ao caso q começaste por relatar,é mais um daqueles q nem me atrevo a comentar.Usaria vocabulário nada próprio,aliás nem vocabulário teria.
Amiga desejo-te um excelente fds
Esqueci-me de referir no post anterior q adorei conhecer o novo elemento da familia.O Rodinhas:-)
Bjosssssssssss

Papoila disse...

Minha querida pipoca estourada que se chama Arodla, que lindo este texto e tão bem empregue nesta situação com juízes "piruás" que se recusam a estourar.
Beijos

collybry disse...

Hoje deixo só uma bjoca doce...voltarei

-=tëtê=- disse...

Amo as crônicas de Rubem Alves! Ele é sensacional! Deus me livre ser piruá! Querida, é uma satisfação receber sua visita no Ponto de Equilíbrio! Fazia tempo que você não passava por lá... você tem uma quedinha pelo Amenidades, né? Um bom final de semana! Bjks Tetê

halmaguerreira disse...

olá menina,obrigado pela sua visita,e parabéns pelo lindo blog,aceite o meu selo REAL qualidade nº00,bjos em vc

Anónimo disse...

Olá Arodla, vim retribuir a sua visita e adorei seu blog. Este texto da pipoca é mesmo muito bom, eu já o conhecia!
Calliope é um nickname que gosto muito de usar, da mitologia grega...você gosta de mitologia?
Um abraço e bom final de semana :)

Calliope
www.callianteia.blogger.com.br

Filipe Freitas disse...

Gostei de ler este texto sobre as pipocas. Na vida, infelizmente, encontram-se muitos "piruás", e às vezes é impossível recuar...
Lamento que a menina seja retirada aos pais adoptivos e a situação que se desencadeou com este processo. Espero, no entanto, que a criança ainda possa ser muito feliz.
Bom fim de semana.
Beijinhos

P@tty disse...

Amigos nos procuram sem motivo,
apenas p/saber se estamos bem!!!
...............|\.......|\
...............|)\......|)\
...............|)_\....|)_\
...............|)__\..|)__\
......(\'/).|)___\|)___\
...("('o').|)____\____\
...(")(")*|)_____\____\
.~.\==-,,,,,,,,,,,,,,,,,,,-==/~.~.~.~.
~.~\_~....__...__....~_/~.~.~.~.~.
.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~.~
E foi exatamente por isso, que passei
por aqui...
Bom DOMINGO e uma ótima semaninha!!!

Zé (do beco) disse...

Aldora, talvez quando já for tarde demais haja milho a estourar. Afinal, não é o que estamos habituados a ver?
Saia uma indemnização para o "pai" de última hora e fica tudo resolvido. Mesmo que umas semanas depois a criança dê entrada no hospital por maus tratos.
Depois ninguém vai pedir explicações à juíza incompetente pelo mal que fez.
Beijinho e boa semana.

smareis disse...

Olá menina linda, amada, idolatrada salve, rsrsrs.
Vim matar a saudade, e deixar um bjoka no seu coração. Tenho estado ausente, vezes ausente da net. Muitas coisas pra resolver, muito exercicios fisicos e muito trabalho, acho que temos que dá um tempo pra nós quando estamos carregado de coisas, nosso psicologico não aguenta.. Depois de um final de ano tumultuado, perdas de pessoas querida me me deixou triste demais, vou tirar umas férias para repor minhas energias positivas, pra poder voltar pra esse mundo de blogs.
Depois de blogueira virei flogueira kkkkk.
Falando sério é que vou viajar com minha familia, dia 1º e só volto depois do carnaval, e por isso so ativarei meus blogs depois que eu voltar. Como eu estava com um foto blog aberto resolvi abrir para quem quizer me visitar, até eu voltar com meus bloguinho rsrsrs.
Se quizer me visitar eu vou adorar em te receber por lá.

Beijim!

GATO ESCALDADO disse...

Belo texto, sensibilizou-me, não só pelo texto em si, mas talvez porque hoje estou particularmente triste.BJS

Smareis disse...

Oi Aldora!
Obrigada querida pela visita e pelo carinho no Escrevinhando. Adorei ter receber por lá.
Desejo que seu 2007 também seja muito iluminado pra vc e toda sua familia, e que podemos estar sempre unidas nesse mundo virtual.
"A vida é como uma peça de teatro, na qual rimos e choramos ao longo da apresentação, e as vezes nos dói quando algum companheiro sai de cena; Mas nosso grande diretor, DEUS, sabe o que faz, e nos proporciona esse belo espetáculo chamado VIDA!!!"
Ótimo começo de semana!
Bjs no coração!

kaldinhas disse...

Parabéns pelo destaque.Todos os destaques p ti são poucos.N os destaques do blog,mas os destaque nos nossos corações.
Já vi q continuas a tentar fazer pipocas:-))))))))
Bjosssssssssss

-=tëtê=- disse...

Querida: obrigada por mais uma visita! Beijos no seu coração! Tetê

Marcia disse...

Ola lindinha, tudo bem? Passando paraagradecer sua visita na minha ausencia. Estou de volta e com novidades. Beijos e linda semaninha pra ti

Regina disse...

Querida Aldora.
Saudades, saudades, saudades...
Tudo bem com você, minha amiga?
Muito obrigada pelo carinho que deixou no meu blog.
Está tudo bem comigo, apenas muitas coisas a fazer, e não tenho conseguido visitar meus amigos como antes.
Por isso peço um pouquinho de paciência se demorar vir te visitar, mas sempre que puder, aqui estarei, apesar de que mesmo ausênte, estou sempre em sintonia com você.
Lindo seu post, adorei!
Fique com Deus.

Um beijo com todo carinho.
Regina

Vanessa disse...

oi linda, não conhecia este seu cantinho, muito fofo, obrigada pela visita, beijos e otimo dia