domingo, julho 08, 2007

Fiquei muito admirada com o meu prémio do Blog com tomates dado pelo Quico ou seria do Ventor a ideia? já viram a surpresa de chegar aos Gatinhos Voadores e ter tomates pois na verdade nem tomates consigo ter pois os caracóis lesma e todos os bichinhos do quintal se deliciam com tudo o que aqui é semeado, todos neste quintal comem até as poucas cerejas os passarinhos comeram.
Mas o mais difícil vai ser a quem passar o selinho se já quase todos a quem gostaria de passar o selo do blog com tomates já recebeu o prémio vou ter que puxar por esta cabeça Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket

Como já perceberam, os Gatinhos Voadores, foram indicados pela nosso amigo, Ventor *http://ventor.blogs.sapo.pt/ , como um Blog com Tomates, aquele que luta pelos direitos fundamentais do ser humano, faço das palavras do Ventor minhas também, embora eu reconheça que, na minha caminhada, tenha torcido mais pelos bichos. Torcendo pelos bichos, torço por aqueles que têm pouca ou nenhuma protecção, e torcendo por eles, torço por um mundo melhor, e torcendo por um mundo melhor, em última instância, torcerei pelo bem da humanidade.
Agradeço ao Ventor , por se lembrar dos Gatinhos pela sua nomeação.
Agora, conforme a regra, indico os seguintes cinco Blogs, como sendo Blogs com Tomates:(Basta clicar no nome)
Bitu *http://alemtejo2.blog.simplesnet.pt/
As luas da gata tatá *http://linguasdagata.blogs.sapo.pt/
Florinda *http://cantinhodaflorinda.blogs.sapo.pt/
Filipe *http://topazio1950.blogs.sapo.pt/

Mariposa
*http://maripossa.blogs.sapo.pt/


Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket
E agora, em conformidade com as regras, cada blog nomeado poderá indicar cinco novos blogs.
Para todos vós, os nomeados e os que não o foram, votos de uma bela caminhada pela Blogosfera.



As Férias estão aí e com elas os animais abandonados claro quem o faz não me acredito que perca tempo a ler o meu blog, de qualquer forma nunca é demais falar deste assunto.
Em Portugal mais de 10.000 animais são abandonados anualmente. Muitos encontram a morte nos canis camarários e outros acabam por morrer à fome ou nas estradas, enquanto vagueiam pelas ruas em busca de alimentos e de abrigo. Quando abandonados, os animais sofrem todo o género de maus tratos ficando igualmente sujeitos a contrair doenças. Para além do sofrimento infligido ao animal, o abandono é, portanto um risco para a saúde pública.
Nestes casos, os mais afortunados, que são poucos, são adoptados por uma ou outra pessoa mais sensível.

Um animal deve ser desejado pelo dono e bem aceite pelos restantes membros da família. Por isso, a compra ou a adopção de um animal deve ser muito ponderada e estar de acordo com a sensibilidade e disponibilidade do novo dono. Os animais são como crianças tem que ser educados e os donos tem que ter a sensibilidade de entender os bichos quando eles fazem coisas que não deviam e dar-lhe oportunidades de serem bichinhos.
Um animal de companhia precisa, não só de alimentação adequada e água fresca, mas ainda de uma série de outros requisitos que não devem ser ignorados, tais como alojamento adequado e espaço para se movimentar, acompanhamento veterinário, e atenção, entre outros. Assim, oferecer animais às crianças, só para lhes satisfazer os desejos é uma atitude incorrecta. Um animal deve fazer parte da família, ser desejado e estimado até à sua morte natural.
Colocar um animal num canil albergue deve ser o último dos recursos, pois ele nunca serás feliz sem o dono.

Seja tão leal com o seu animal como ele o é para consigo!


NÃO ABANDONES OS DESEJOS

"Não abandone os desejos,
de fazer de tua vida, algo extraordinário.

Não deixes de crer, em que as palavras
e as poesias, podem mudar o mundo.

Passe o que passe, nossa essência está intacta,
somos seres cheios de paixão.

A vida é deserto e é oásis.

Derruba-nos, nos lastima, nos ensina nos converte
em protagonistas
de nossa própria historia.
Mesmo que o vento sopre ao contrário,
a poderosa obra continua:
Você pode proporcionar uma estrofe.

Não deixes nunca de sonhar,
porque só em sonhos
o homem pode ser livre.


Valoriza a beleza das coisas simples.

Viva intensamente, sem mediocridade.

Pensa que em ti esta o futuro
e encara a tarefa,
com orgulho e sem medo.

Não permitas que a vida,
te passe, sem que a vivas. "

Autor: Walt Whi