domingo, outubro 18, 2009

Passeio pelo Norte do País

Entre Ouro, Vinho Verde e Artesanato Regional que melhor conjunto para me sentir bem.

Filigranas até os gatinhos gostam desta Filigrana é um trabalho ornamental feito de fios muito finos e pequeninas bolas de metal, soldadas de forma a compor um desenho. O metal é geralmente ouro ou prata, mas o bronze e outros metais também são usados.

Região Norte de Portugal, é rica nesta arte de ourivesaria foi um passeio que fiz até Travassos que ganhei este lindo coração normalmente usado frequentemente no conjunto do vestido de noiva tradicional e, ainda, no traje feminino dos ranchos folclóricos do Minho.
Foi-me explicado pelo Ourives que por cima do coração aquele desenho significa a chama do amor.
Vale a pena visitar esta região do Norte de Portugal o Minho e o Gerês onde fiz um passeio de barco no Rio Caldo uma zona linda.
Instrumentos para trabalhar o Ouro.


Fiquei a saber que as Minhotas eram mulheres de haveres completa a sua imagem com múltiplos adornos de ouro, ostentando com orgulho a sua capacidade económica. (para quem não conhece o fato a tradição das veste aqui foto tirada da net)

Para casar, a mulher ia sempre de preto, utilizando o seu traje de mordoma ou outro quando possuía posses para tal. Ao traje de mordoma acrescentava um lenço de fina cambraia, cruzado à frente, ou um véu de renda ou de tule bordado a branco, de pontas caídas. Na mão para segurar o ramo usa um lenço de "amor" bordado com motivos florais, vegetalistas e quadras ou frases amorosas, a ponto cruz, ponto cheio, cordão, pé-de-flor, etc. Estes lenços fotografei numa quinta que visitei de que produtora de vinho Verde



outro

Pipas de vinho Verde.

Aqui me despeço até próxima postagem voltem sempre.

9 comentários:

Gata Lili disse...

o gatinho branco tem muito bom gosto! miaaauuu...

denise ribeiro dal negro disse...

Puxa que legal ... muito lindo o coração em chamas ...

Neste dia 18 em que vc foi passear, eu aqui em Curitiba estava celebrando 80 anos de minha sogra.

Bons motivos para agradecer a vida né?
Obs: vc comentou que não sabia o que era aipim. è a mesma coisa que mandioca ou macaxeira ( depende da região)
Um grande abraço...

Cida Lopes disse...

Fiquei encantada com as fotos e os lencinhos tão mimosos e delicados,adoro poder passear por Portugal mesmo estando em casa.Acho que esta no sangue eu gostar tanto dai, meus avós eram de Cortegaça.Meu sonho é um dia ver estes lugares de perto.Beijos.

Patricia Barros disse...

ETA HORAS QUE PASSAM
A VOAR!!! AS FOLGAS PASSAM
SEM QUE SE DÊ POR ELAS, MAL
DÁ TEMPO PARA FAZER O QUE
GOSTAMOS.
QUE PASSEI BOM HEIM!!!
TAMBÉM ADOROOOOOO!!!
NESTAS FÉRIAS TAMBÉM NOS ESBALDAMOS
PELOS GERÊS E ARREDORES.
ADOREI AS FOTOS!!!!
BOM...MAS JÁ ESTOU DE SAÍDA,
PASSEI RAPIDINHO PARA
DESEJAR-TE UM BELO FIM DE
SEMANA.
BEIJINHOS...

Comartins disse...

OI!TUDO BEM COM VC?ESTOU PASSANDO PARA AGRADECER A SUA AMAVEL VISITA A PESSOA LINDA QUE VC É!E DIZER QUE SEU BLOG É DIVINO E DESEJAR-LHE UM LINDO E ABENÇOADO FINAL DE SEMANA
Horas vivas
Noite: abrem-se as flores . . .
Que esplendores!
Cíntia sonha seus amores
Pelo céu.
Tênues as neblinas
Às campinas
Descem das colinas,
Como um véu.
Mãos em mãos travadas,
Animadas,
Vão aquelas fadas
Pelo ar;
Soltos os cabelos,
Em novelos,
Puros, louros, belos,
A voar.
— "Homem, nos teus dias
Que agonias,
Sonhos, utopias,
Ambições;
Vivas e fagueiras,
As primeiras,
Como as derradeiras
Ilusões!
— "Quantas, quantas vidas
Vão perdidas,
Pombas mal feridas
Pelo mal!
Anos após anos,
Tão insanos,
Vêm os desenganos
Afinal.
— "Dorme: se os pesares
Repousares,
Vês? — por estes ares
Vamos rir;
Mortas, não; festivas,
E lascivas,
Somos — horas vivas
De dormir. —"

Machado de Assis

ÖRGÜÇANTAM disse...

Merhaba Aldora,

gezi harika. resimler ve bilgiler için teşekkürler. altın ,her ülkede önemli bir takı.

güzel bir hafta olsun senin için.
sevgier ,öpüyorum.

Arte em croche e trico - Croche e trico da Fri disse...

Oi Aldora, vc disse algo sobre a hipo que coloquei na postagem da amigurumi, voce esta mais para gata do que para a hipozinha hehehe. Vc ta linda, e suas formas ainda sensuais e femininas. Que lindo essa peca que trouxe de ouro, amei a historia, algo que me lembra (algo ) sobre umas regioes do mundo muculmano, mas nao vou entrar em detalhe pq nao lembro direito onde li, qdo achar comento.Adorei isso q vc fez, colocar partes da historia, da cultura, se fizer mais vezes , me avise, aprecio isso. Aldora como sempre teu (s) blog(ues)estao show demais. Parei para te mandar esse comentario e agora vou navegar mais nas suas paginas. Obrigada por seu jeito carinhoso para comigo, o carinho e respeito e recipocro, esteja certa, aprecio vc e sue blog tambem no mesmo jeito. Boa semana Aldora, beijos
FRI

Cida Lopes disse...

Ola minha linda, tem selinho pra você no meu blog.Beijos no coração.

Iêda Klein disse...

Amiga, estou participando de um concurso de arte no blog Arte India,
http://arteindia.blogspot.com/e
estou pedindo o seu voto para o meu trabalho. É só passar por lá e comentar na postagem qual trabalho você prefere. O meu é o número 3, um panô de natal. O post é "TRABALHOS INSCRITOS NO CONCURSO PATCHWORK" dia 25 de outubro.
Desde já agradeço seu voto.
Beijos